Mensalmente nossos voluntários respondem a centenas de e-mails com dúvidas de pessoas de todo o Brasil. Selecionamos as dúvidas mais comuns, que estão dispostas nesta página. A leitura é recomendada a todos.

Destacamos que a maioria das dúvidas enviadas por e-mail seria facilmente esclarecida com a leitura desta página. Isso preserva o curto tempo dos voluntários, pessoas como você, que dedicam parte do seu tempo para auxiliar nossos trabalhos.

 

- SEIS perguntas frequentes sobre o nosso trabalho

A duração da procura é indeterminada. Há casos que são solucionados rapidamente, outros ficam numa complexidade muito grande. Já outros não são solucionados.

Devido a quantidade de anos passados após a separação ou desaparecimento. Reconhecendo que neste período de tempo pessoas que podiam colaborar com as buscas já faleceram ou sendo impossível encontrá-las por terem mudado para outras cidades ou estados. Também casos que é necessário obter documentos junto a maternidades, hospitais, paróquias, cartórios e etc., quando muitas vezes estes documentos foram destruídos pela má conservação dos mesmos, por incêndio, enchentes ou outros problemas relacionados ao tempo. Outras vezes pelo desinteresse das pessoas que mantém a posse destes em ajudar no caso de procura.

Os casos mais complexos são destinados à divulgação. Além disso, há algumas conferencias que realizamos a cada seis meses que podem constatar o atual paradeiro do desaparecido. Com isso a entidade nunca para de acompanhar aquela busca, podendo a qualquer momento alcançar o objetivo da localização.

Não. Após o recebimento da história, sendo necessário entramos em contato para confirmar algumas informações. Nenhuma novidade do andamento dos levantamentos é passada. Nosso trabalho visa uma surpresa para ambas as partes,  tanto para o parente que pediu a nossa ajuda, quanto para o que foi localizado. A  única novidade repassada é o reencontro quando este é alcançado.

Não. Só promovemos reencontros de pessoas localizadas pela entidade.

As ligações para este número somente são atendidas de segunda a sexta-feira, no horário das 13:00 ás 17:00hs. E chamadas originárias de número restrito ou confidencial não são atendidas.